Exú
 


Exú é o guardião dos caminhos, soldado dos PRETO-VELHOS e CABOCLOS, emissário entre os homens e os ORIXÁS, lutador contra o mau, sempre de frente, sem medo, sem mandar recado.

O Orixá telúrico, executor da Justiça kármica, guardião da magia, intermediário entre os homens e os Orixás. Exu não é bom nem ruim; cumpre uma função de regulador; é o termômetro das condições astro-físico do planeta. Todo o emocional, todos os instintos, todas as paixões são manipuladas pelo Exu: essas são as suas demandas. EXU NÃO É BOM NEM MAU, É JUSTO.

Os Exus atuam como executores da Lei, acima dos conceitos do Bem e do Mau, por isso, são chamados Exus de Lei, por atuarem como agentes da Justiça kármica, e como tal, espíritos responsáveis, conscientes de suas funções e jurisdições. Não são os Exus quem fazem as Leis, eles apenas as cumprem executando-as em nível planetário.

Exu gosta de rir, brincar com as pessoas, mas nem por isso seu trabalho não é sério. Gostar de beber e fumar, ao contrário do que muitos pensam, em nada influencia o trabalho do Exu. A bebida e o fumo são elementos de aproximação, fazendo com que as pessoas se identifiquem, ficando mais descontraídas como se estivessem em uma festa. Caso não tenha bebida ou cigarro, o Exu trabalha do mesmo jeito, pois, sua finalidade é apenas ajudar àqueles que o procuram. Em seu trabalho o Exu corta demanda, cria condições de êxito, desfaz trabalhos, feitiços e magia negra. Às vezes temido, às vezes amado, mas sempre alegre honesto e combatente da maldade do mundo. ESTE É O EXU!!!